NOTÍCIAS

Alcançando refugiados através da igreja na Turquia

June 15, 2017

Por OM International

Tradução: Tayza Garcia

Foto de Katie Berry

 

Em um dia frio de dezembro, um casal sírio bem vestido apareceu em uma igreja local em uma das cidades portuárias da Turquia. Como centenas de milhares de outros, o marido e a esposa fugiram de sua casa devastada pela guerra na Síria, cruzando a fronteira sul da Turquia. Eles viajaram para o noroeste pela Turquia e iam embarcar naquela noite no navio de um traficante para a Grécia, pagando mais de 1.000 USD por pessoa para arriscar suas vidas cruzando as ondas de inverno. Após o culto, o pastor e alguns outros oradores árabes se reuniram em torno do casal para orar por sua segurança. Eles então desapareceram na tarde cinzenta para descansar antes da difícil jornada na noite.

 

A igreja iniciou o evangelismo da Síria no outono de 2015. Eles perderam alguns de seus membros turcos que não concordaram quando começou o ministério ao longo da fronteira sírio-turca no início desse ano. No entanto, com o apoio de sua congregação remanescente, no último ano realizaram múltiplas ações para alcançar os refugiados visitantes, como o casal da Síria. Eles também contam com equipes de curto prazo dispostas a dedicar seu tempo entre os povos sírios amontoados no lado turco da fronteira, esperando o tempo até que eles possam voltar à Síria.

 

De acordo com Philip*, o líder de campo da OM na Turquia, o apoio à igreja local continua a ser fundamental para o papel da organização no país. Até um ano atrás, o trabalho de refugiados ocorria apenas em raras ocasiões. No entanto, desde o verão de 2015, quando a crise dos refugiados inundou a Europa, o afluxo de pessoas, especialmente os sírios, para a Turquia se intensificou visivelmente e tangivelmente.

 

"No passado, você abriria sua janela na noite de verão, e você ouviria os turcos. Agora, você abre sua janela e você ouve árabe“, ele descreveu. "Agora você entra em bairros na Turquia e verá textos em árabe nas vitrines".

 

Com o aumento contínuo dos refugiados na Turquia, as igrejas começaram a responder. "A igreja está começando a ser mais coordenada. A igreja está começando a avaliar como eles podem melhorar as coisas", disse Philip.

 

A OM na Turquia seguiu o exemplo. "Nós só precisamos ser honestos com nós mesmos e dizer que essas pessoas estão aqui para ficar. A porta para a Europa está se fechando e é aqui que eles viverão... Nosso trabalho não é criar campos de refugiados, mas acho que as pessoas podem orar sobre o que isso vai significar para nós no futuro. Eu não acho que nós saibamos, eu não acho que a igreja sabe, mas os refugiados estão aqui".

 

Olhando para o futuro, a OM na Turquia tem um objetivo declarado de ver 100 trabalhadores em campo. "Eu nunca tive idéia de como isso iria acabar e nunca pensei que estaria pedindo pessoas que falassem árabe", admitiu Philip. Mas à luz da nova situação com tantos refugiados sírios na Turquia "Eu acho que Deus está enviando pessoas de todas as partes".

 

No ano passado, vários trabalhadores do Oriente Médio e do Norte da África (MENA) de língua árabe da OM se mudaram para a Turquia para missões de curto e longo prazo. Ore para que mais missionários que falem árabe se juntem às equipes na Turquia para servir a igreja e alcançar refugiados com a mensagem do evangelho.

 

*Nome alterado por questões de segurança.

 

Texto original aqui.

 

A OM na Turquia conta com uma família de missionários brasileiros atuando.

 

O papel da OM na Igreja é mobilizar pessoas para compartilhar o conhecimento de Jesus e Seu amor com cada geração em cada nação. A OM é pioneira e lidera iniciativas para resgatar vidas, reconstruir comunidades e restaurar a esperança em mais de 110 países.

Compartilhar
Compartilhar
Curtir
Please reload

Notícias em destaque

Lutando contra a pobreza do conhecimento bíblico

May 31, 2019

1/7
Please reload

Notícias recentes

October 30, 2019