NOTÍCIAS

Família Moromisato

April 19, 2017

 

 

Bangladesh.

 

O trânsito apavorante que gera reações de calafrios, medo e ansiedade pode desencorajar um visitante de primeira-viagem a querer voltar ao país, mas quem consegue sobreviver ao aparente caos e decide interagir com o povo Bengali recebe como recompensa a descoberta de um grande tesouro: a amabilidade e hospitalidade de pessoas simples que estão abertas para fazerem novos amigos.

 

Nossa equipe chegou em Daca em um domingo de manhã com 7 malas cheias de material para distribuição. Passamos os dois primeiros dias na capital, visitamos diferentes bairros e fomos conhecer alguns Centros de Treinamento da OM onde oferecem cursos profissionalizantes. Os coordenadores destes cursos são parte da equipe da OM em Bangladesh e intencionalmente compartilham o Evangelho com os alunos. Aqueles que demonstram interesse em aprender mais da Bíblia são convidados a participar de estudos bíblicos. Como resultado algumas igrejas têm se formado em diferentes cidades do país. Mas não se engane, este processo não acontece tão rápido quanto você imagina.

 

Em um país onde 89% da população é muçulmana e outros 10% é hindu há uma grande resistência à mensagem do Evangelho. Ao irmos para o norte do país conhecemos a família que coordena os projetos da OM em sua região e lidera uma igreja que se reúne em uma casa. Ele já foi sequestrado e ameaçado de morte, seus sogros estão sofrendo ameaças, mas o que se destaca e ofusca a dificuldade de se pregar o Evangelho em Bangladesh é a entrega e o compromisso que estas pessoas têm em seguir a Jesus.

 

Durante a semana pudemos nos reunir com estes irmãos e participar de um culto à noite. Esta foi uma das experiências mais marcantes da viagem. Éramos apenas 13 adultos e uma criança, adorando a Deus, tendo a certeza de que Ele estava ali, conosco... sei que Ele é Onipresente, mas naquela noite a percepção de sua presença era diferente... mesmo em meio a um país com tamanha escuridão espiritual podíamos dizer com convicção de que era chegado, naquele lugar, o Reino de Deus – através da Sua igreja, Corpo de Cristo, Jesus se faz presente, somos seus embaixadores, representantes do Seu Reino.

 

Passamos por outras cidades, visitamos algumas escolas, compartilhamos com crianças e adultos a mensagem do Evangelho e distribuímos pulseiras para que as crianças pudessem lembrar da mensagem compartilhada. Certo dia fomos visitar uma vila remota onde vivem 25 mil pessoas. Após vários quilômetros de caminhada, atravessar um rio, e caminhar alguns quilômetros mais, chegamos até o lugar onde não há escola, não há igreja, não há nenhum cristão que vive ali. Nesta vila a OM está ajudando a reconstruir casas para famílias que perderam tudo por causa de uma grande enchente. O próximo projeto é estabelecer 5 escolas de ensino fundamental e através dos professores compartilhar o Evangelho com as crianças e suas famílias. Nossa oração e esperança é para que conversões aconteçam, discípulos sejam formados e novas igrejas surjam neste local. Há várias outras histórias para serem contadas sobre esta viagem, mas quero terminar este informativo apresentado a você alguns desafios:

 

- Bangladesh precisa de mais trabalhadores. Que tal você fazer parte desta equipe? O que você acha de orar antes de dizer não é perguntar para Deus o que Ele pensa de você ir para lá? Uma família de brasileiros é quem está liderando o trabalho da OM em Bangladesh. Eles precisam urgentemente de pessoas que possam ajudar na área administrativa - Recursos Humanos (fornecendo informações e conduzindo o processo para que pessoas de diferentes países possam servir no país), Finanças (cuidando da contabilidade), Comunicação (para produzir informativos e relatórios para doadores) - além de pessoas para ajudar nos diferentes projetos que estão realizando. Ou talvez você conhece alguém que poderia se interessar em servir a Deus em Bangladesh?! Ajude a compartilhar estas necessidades.

 

- A OM em Bangladesh precisa de parceiros e tem orado para que mais igrejas, organizações e pessoas da América Latina decidam trabalhar junto com eles para evangelizar o país. Que tal apresentar esta possibilidade para sua igreja, pastor, outras pessoas ou organizações? Há possibilidades para se trabalhar junto em diversas áreas:

 

* Desenvolvimento de liderança nacional: enviando pastores e líderes para treinar membros da equipe;

 

* Buscando soluções inovadoras: Igrejas, organizações e diferentes profissionais podem visitar os projetos e juntos trabalharem para encontrar novas/melhores formas de servir a comunidade enquanto fazem discípulos de Cristo;

 

* Financiando projetos e missionários: através de uma relação de amizade, confiança e parceria há oportunidades para fortalecer e expandir o trabalho em Bangladesh, construindo novas escolas, casas, financiando mais Centros de Treinamento ou mantendo missionários no país.

 

Chegamos ao final da viagem com nossos corações quebrantados. O Senhor está trabalhando em Bangladesh, podemos nos unir a Ele nesta missão, podemos participar do processo de ver pessoas ouvindo sobre Cristo pela primeira vez em toda sua vida. Somos gratos por sua companhia ao longo da jornada. Que Deus continue abençoando muito a cada um de vocês e usando-os para abençoar a muitos,

 

Julio + Gil + Lucas

 

Contato:

julio.moromisato@om.org

gildelia.moromisato@om.org

Compartilhar
Compartilhar
Curtir
Please reload

Notícias em destaque

Lutando contra a pobreza do conhecimento bíblico

May 31, 2019

1/7
Please reload

Notícias recentes

October 30, 2019