Vivendo os mandamentos de Cristo no Natal


#SãoVicenteEasGranadinas Na véspera de Natal, alguns dos membros da tripulação do navio Logos Hope deixaram sua casa flutuante e saíram às ruas para se conectarem com as pessoas nas ruas da capital. Os voluntários falavam com as pessoas, nas lojas, e àquelas andando pelas ruas. Eles distribuíam folhetos, literaturas e lembranças cristãs: livros para colorir, Bíblias e o livro para crianças, ‘Mais importante história jamais dita’.


Um homem com quem Erin McAvoy (Irlanda do Norte) falou, disse-lhe que era Rastafári. Ele explicou que sabia sobre Deus e sobre a Trindade. Além disso, tinha crescido em uma família cristã. “Ele era fazendeiro e vendia vegetais e outros produtos. Ele disse que planta os vegetais, mas é Deus quem os faz crescer. Disse que, quando era criança, sua mãe o levava à igreja, mas, com o passar do tempo, isso deixou de acontecer. Toda semana, seus amigos passavam por ele e perguntavam, ‘Você vai à igreja, hoje?’.” Erin, então, deu a ele um folheto e o desafiou a ir à igreja e, ao mesmo tempo, convidar os amigos dele a irem também.


“Ulyana Makarova (Rússia) diz: “Nós nos aproximamos das pessoas e explicamos para elas o verdadeiro sentido do Natal. Foi um privilégio ter estado lá. Para mim, estar envolvida em tudo isso é um presente de Deus.” Ulyana encontrou um homem que não acreditava que Jesus fosse Deus ou que fosse o único caminho para a salvação. Mesmo assim, depois de uma longa conversa, ele pediu a Ulyana uma Bíblia, pois a sua estava muito velha. Quando ela lhe deu uma nova, ele disse: “Eu vou lê-la novamente!”


Quando Ulyana voltou para o navio, o homem quis acompanhá-la, sedento de ouvir mais sobre Deus. “Eu creio que Jesus está tocando seu coração. Eu podia perceber sua sede. Ele estava à procura da verdade!”, ela disse, e sorriu.


No dia de Natal, o diretor do navio Logos Hope, Pil-Hunk Park (Coréia do sul) falou sobre o significado do Natal no culto, a bordo, para os tripulantes do navio. Recontando a história da vinda de Jesus, que morreria