• OM International

Valor, visão e vocação


#Suécia “Dele [Cristo] todo o corpo, ajustado e unido pelo auxílio de todas as juntas, cresce e edifica-se a si mesmo em amor, na medida em que cada parte realiza a sua função.” - Efésios 4:16 (NVI)


“Como foi?” os amigos e a família perguntaram a Jackie depois da sua primeira viagem à Suécia no inverno de 2009. “Foi frio e sombrio; eu estava cansada e foi difícil,” Jackie respondeu, resumindo sua nova experiência de um inverno nórdico com uma nevasca especialmente forte e temperaturas chegando até -18ºC. “Então, você vai voltar?” os amigos e a família questionaram. “Sim!” ela respondeu com convicção.


Amada para amar aos outros


Jackie cresceu em Barbados, uma pequena ilha ensolarada no Caribe que sequer aparece em alguns mapas. Não há inverno - a tempo ou está seco ou úmido.


Como muitos na ilha, Jackie ia à igreja. Ela aceitou a Jesus Cristo como seu Salvador depois de ver uma peça de teatro que demonstrou as consequências eternas de crer ou rejeitar a Jesus. Demorou alguns anos até que começou a entender o amor de Deus por ela e que permitisse que Ele fosse o Senhor da sua vida em vez de simplesmente “fazer o que quisesse.”


“Antes, a minha fé tinha sido mais sobre evitar encrencas, não cometer grandes pecados, ir à igreja e talvez ler a Bíblia,” explicou Jackie Mais tarde, ela leu um livro que ilustrou o amor de Cristo pela humanidade. “A história descrevia Jesus andando de um lado para o outro, desesperado para que as pessoas soubessem o quanto Ele as ama,” ela compartilhou. “Essa imagem me afetou por um longo tempo; percebi que o Seu amor é tão grande e Ele tem uma urgência em compartilhar do Seu amor conosco - e para que nós compartilhemos com outros.”


Discipulada para discipular outros


Jackie estudou e trabalhou como uma veterinária em Trinida, nas Índias Ocidentais. Enquanto exercia sua profissão, ela ficou cada vez mais insatisfeita com o seu campo de trabalho, ao passo que encontrava significado em ajudar a liderar o grupo de jovens da igreja. Durante essa época, ela conheceu tripulantes do navio da OM, o Logos Hope que está compartilhando conhecimento, ajuda e esperança em comunidades portuárias do mundo todo. O sentido de propósito de vida deles a inspirou. Jackie decidiu mudar de carreira. Ela se juntou ao programa de treinamento de discipulado da OM na África do Sul onde desenvolveu o seu interesse em capacitar indivíduos.


“Quando eu estava na África do Sul, eu vi um vídeo sobre a Europa se tornando menos interessada em Deus,” disse Jackie. “Isso me chateou, e eu assisti ao vídeo de novo e de novo para que não me esquecesse do que tinha visto.” Em uma conversa com três mulheres europeias, elas confirmaram essa descrição. “A Europa precisa de missionários,” elas lhe disseram. “Venha para a Europa!”


“Sim, eu vou para a Europa - estou indo para a Suécia,” Jackie se ouviu declarar. Ela tem trabalhado ali desde 2011, sem ser impedida pelos invernos frios e sombrios. “Parecia a coisa certa a fazer,” ela acrescentou. “Não tenho nenhuma razão para isso; está simplesmente claro para mim.” Passo a passo, Deus providenciou o sustento e o visto que ela precisava para onde gostaria de servir.


“Fico empolgada quando os cristãos começam a descobrir o seu valor em Cristo, crescem na fé e encontram o seu propósito,” disse Jackie, que gerencia os trabalhadores e as equipes administrativas em Jönköping, Suécia. Responsável pelo treinamento e desenvolvimento da equipe da OM, a sua paixão é ajudar trabalhadores a identificar o seu papel e usar suas habilidades.


Enviada para enviar outros


“As pessoas na Suécia crescem com a cruz na sua bandeira, mas muitos não sabem quem é Jesus,” expressou Jackie. “Muitos estão sofrendo e tentando viver suas vidas, sem saber o quanto são valiosas e amadas.” Jackie busca construir amizades e servir na sua igreja local, bem como preparar seguidores de Jesus para alcançarem comunidades na Suécia ou em outros países, compartilhando a mensagem de que há perdão, cura e esperança através de Cristo.


A assistente de Jackie, Cecilia, é uma estagiária sueca de uma escola bíblica local. Ano passado, Cecilia foi numa viagem de curto prazo pela Europa. A sua equipe passou por uma situação difícil onde alguém reagiu fazendo uma má representação deles online. “Fizeram eles parecerem maus,” disse Jackie, triste com a memória. Entretanto, Cecilia respondeu dizendo: “Não importa, talvez alguém irá ver e conhecer a Jesus.” A disposição de Cecilia de continuar

apesar das dificuldades encorajou Jackie. “Seria compreensível se ela não quisesse continuar com viagens de curto-prazo ou com missões,” afirmou Jackie, “mas ela está continuando a usar os seus dons!”


Jackie acredita que existe um lugar para todos, acrescentando que o seu valor não depende da tarefa que fazem nem do seu status familiar ou matrimonial. Em vez disso, seu valor é encontrado em Deus, o seu criador. “Sua identidade está em Cristo, para ser quem Deus te fez para ser,” Jackie enfatizou. “E não importa a função que Ele nos deu, vamos vive-la seguindo a Jesus!”


Tradução por John H.

Texto original aqui.

NOTÍCIAS

INSPIRE-SE

Notícias de Missões

Blog

CONTATO

(12) 3945-0047

comunicacao.br@om.org

CONTRIBUA

Online, clique aqui

Depósitos:

Banco Bradesco

Agência 0225-9 - Conta Corrente 20.311-4

  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Instagram Ícone
  • Grey Twitter Ícone
  • Cinza ícone do YouTube

Copyright 2020. Operação Mobilização Brasil. Todos os direitos reservados. comunicao.br@om.org