50 anos de fidelidade de Deus


#Navios A OM está celebrando o quinquagésimo aniversário do Ministério do Navio.


O primeiro navio, chamado Logos, foi comprado em 15 de outubro de 1970, e foi o resultado de vários anos de oração e planejamento.


George Verwer compartilhou, pela primeira vez, sua estranha ideia em uma reunião de oração em Bolton, Inglaterra, em 1964. Ele estava pensando que deveria haver uma maneira melhor de apoiar o trabalho emergente da OM na Índia e em regiões mais mais distantes, algo que não envolvesse perigosas viagens rodoviárias, de meses, em velhas vans carregadas de livros. Viagens aéreas eram muito caras, mas um navio poderia abrigar muitas pessoas, transportar livros e veículos, ao mesmo tempo em que poderia ser uma plataforma para sediar eventos e uma base a partir da qual comunidades seriam evangelizadas.


Convencer apoiadores foi um desafio. "Alguns pensaram que eu tivesse perdido o juízo", lembra George. Ninguém na OM – movimento que ele fundou em 1957 – tinha possuído um navio ou tinha experiência em navegação. Como as enormes quantias de dinheiro necessárias para tal empreendimento seriam conseguidas? Como equipar um navio ou conseguir profissionais para a tripulação? Havia mais perguntas do que respostas, mas George e seu co-fundador, Dale Rhoton, passaram a orar e perseveraram até o final dos anos 1960. Aos poucos, o Senhor tocou o coração de mais pessoas e o apoio começou a aumentar.


Um capitão, Graham Scott (Reino Unido), se voluntariou, deixando um emprego com uma empresa de navegação para se juntar à equipe de projetos da OM. Embora ele não tivesse navegado nesse navio, ele esteve à frente dos esforços para encontrar um navio adequado